UGT UGT

Filiado à:


Filiado Filiado 2
Home | Notícias
Home | Notícias

NOTÍCIAS

SECRETÁRIO DE GRECA, REAFIRMA DESCASO COM SERVIDORES E PARTE PARA AGRESSÃO EM REUNIÃO COM SINDICATOS


14/10/2021

Com uma tremenda demonstração de desrespeito e despreparo, a reunião da tarde de ontem (13/10) entre Administração e sindicatos que representam o conjunto dos servidores municipais foi finalizada.

Durante a reunião, o secretário de Administração e de Gestão de Pessoal, Alexandre Jarschel de Oliveira, perdeu totalmente o controle e compostura e tentou partir para a agressão física, tendo que ser segurado por outros integrantes da administração.

A cena, lamentável, é exemplo da forma de condução da gestão Greca que não quer ouvir e negociar as reivindicações dos trabalhadores.

Os sindicatos SIGMUC, SISMMAC, SISMUC, SINFISCO, SISMEC e SINDACS insistiram na tentativa do diálogo, tendo procurado a Câmara de Vereadores para intermediar uma reunião com a Administração Municipal, porém, logo ao entrar na sala de reuniões, o Secretário já demonstrava estar participando da reunião de forma contrariada, sendo rude e ríspido em suas manifestações para com os representantes dos trabalhadores. Destacando que a reunião só ocorreu, devido à pressão dos servidores que já possuem manifestações e greve marcada para ocorrer no dia 15.

Os sindicatos destacaram que a decisão de suspender o reajuste é incoerente e desconsidera o exemplo de outros municípios que sustentaram a compreensão jurídica de que a reposição da inflação paga em 2020 não é aumento de salário e não afronta o congelamento imposto com a Lei Complementar nº 173/2020 aprovada pelo Governo Federal.

Infelizmente, não houve abertura para negociar e os representantes da gestão deixaram claro, que o reajuste de 3,14% seguirá suspenso até o fim do ano. A gestão registrou em ata o compromisso de retomar o pagamento dos 3,14% em janeiro, quando a Lei Complementar nº 173/2020 perderá a validade, porém sem o pagamento do retroativo do período de setembro a dezembro.

Também foi registrado em ata que a data-base que deveria ser paga aos servidores em outubro deste ano será negociada apenas em janeiro. O que representa um atraso de três meses. Os sindicatos insistiram na negociação ainda neste ano, porém a Administração se recusou a assumir o compromisso em repor toda a inflação acumulada no último ano, estimada até o momento em 10,14%.

Os sindicatos cobraram o valor do montante total correspondente ao reajuste não concedido aos servidores, e qual o seu destino, visto que o dinheiro havia sido provisionado em orçamento. Os representantes da Administração não souberam informar e disseram que os recursos voltarão ao caixa geral da prefeitura e quem decidirá seu destino, será o Prefeito e o Secretário de Finanças.

Neste momento, os sindicatos relataram os problemas enfrentados pelos servidores nesta gestão, afirmando que a Gestão Greca é a pior que já passou pela Prefeitura, pois além de todo o retrocesso, Greca retira 3,14% do salário dos servidores em plena Pandemia, onde os servidores foram os mais expostos, e muitos perderam suas vidas para a doença, executando o seu trabalho, garantindo o atendimento à população. Só na Guarda Municipal 11 companheiros faleceram pela doença.

O secretário perdeu a compostura e a reunião teve que ser interrompida.

Veja no vídeo abaixo o momento em que o secretário de Administração e de Gestão de Pessoal parte para a tentativa de agressão aos representantes dos trabalhadores que só buscavam diálogo.

Tocador de vídeo
00:00
00:52

Quando faltam argumentos, infelizmente, nesta gestão, a truculência e o desrespeito pelo próximo, prevalecem.

Estamos a 5(cinco) anos com a carreira congelada;
Estamos com novas atribuições, sem contrapartida financeira;
Regra de aposentadoria que condena o GM a morte;
Viaturas Sucateadas;
Regra de pensão por morte, que condena a viúva(o) de GM morto em serviço a mendicância;
DIMINUIÇÃO SALARIAL;
SEM REPOSIÇÃO DA INFLAÇÃO;
DESCONTO DE LTS NA JORNADA POR ESCALAS;
AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO PARA PERSEGUIÇÕES POLÍTICAS;
MENOR VENCIMENTO BASE DAS CARREIRAS DO NÍVEL MÉDIO NA PMC;
COLETES BALISTICOS DE NÍVE INFERIOR;
PRECARIZAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE TRABALHO;
BASTA!

É fundamental a participação de todos os GUARDAS MUNICIPAIS da ativa e aposentados na MANIFESTAÇÃO DO DIA 15/10, a partir das 10h00, em frente à Prefeitura, para fortalecer a luta contra a redução salarial, em defesa da dignidade dos servidores e contra os ataques desta administração!

Confira abaixo o resumo sobre a reunião feito ao vivo pelos sindicatos que representam os servidores municipais

Tocador de vídeo



logo

UGT - União Geral dos Trabalhadores


Rua Formosa, 367 - 4º andar - Centro - São Paulo/SP - 01049-911 - Tel.: (11) 2111-7300
© 2021 Todos os direitos reservados.