UGT UGT

Filiado à:


Filiado Filiado 2
Home | Notícias
Home | Notícias

NOTÍCIAS

ANS divulga avaliação dos planos de saúde


13/08/2009

Pela análise, referente ao ano de 2008, 23% dos planos foram considerados insatisfatórios
Idec entende que a agência deva usar dados para fiscalizar e punir as operadoras avaliadas negativamente

Os consumidores que desejam contratar uma operadora de saúde ou trocar de plano contam com uma ferramenta a mais para ajudar na hora da escolha. A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) divulgou ontem (10) os resultados do Programa de Qualificação das Operadoras de Planos de Saúde referentes ao ano de 2008. Nesta análise, quase 23% dos planos foram considerados insatisfatórios.

Além da avaliação geral (IDSS - Índice de Desempenho da Saúde Suplementar), pela primeira vez o consumidor poderá conferir o índice de desempenho de sua operadora em cada um dos critérios avaliação: atenção à saúde, estrutura e operação, satisfação do beneficiário e econômico-financeiro. A consulta pode ser feita no site da agência, por meio da razão social, do número de registro ou do CNPJ da operadora.

O Idec entende que é importante para o consumidor ter informações sobre a qualidade dos planos de saúde, mas não basta informá-lo, é necessário que a ANS utilize os dados coletados para fiscalizar e punir as operadoras que são avaliadas negativamente.

Para a advogada e assessora de representação do Instituto, Daniela Trettel, os próprios dados da ANS mostram que o setor é problemático e necessita de uma regulação mais adequada, que impeça que quebradeiras de empresas e garanta a melhoria dos serviços de saúde oferecidos ao consumidor.

Nem a ANS usa o índice dela. No caso da Avimed, permitiu a alienação da carteira para a Itálica, empresa mal avaliada", disse a advogada.

Avaliação

Ao todo, a ANS analisou 1.480 operadoras de saúde das 1.707 atualmente ativas e com beneficiários no Brasil - o universo representa 86,7% do total de operadoras e 94,6% dos beneficiários de todo o país. Os dados mostram que 22,7% dos usuários - cerca de 9 milhões de clientes - têm planos insatisfatórios (classificados com notas entre 0 e 0,39 em uma escala que vai de 0 a 1, sendo esse o melhor patamar).

A relação completa de operadoras foi organizada segundo modalidade e porte, e por segmentação assistencial dos planos comercializados (planos ativos e com beneficiários). As cinco faixas de pontuação são 0,00 a 0,19
0,20 a 0,39
0,40 a 0,59
0,60 a 0,79
0,80 a 1,00.

Entre essas operadoras, 50,3% das que pertencem ao segmento médico-hospitalar tiveram IDSS classificado nas faixas de 0,40 a 0,59 ou superiores. Essas operadoras respondem por 77,3% do total de beneficiários vinculados às operadoras avaliadas. Nesse segmento, as operadoras que obtiveram o desempenho na faixa de 0,60 a 0,79 respondem por 45,1% dos beneficiários.

No segmento Exclusivamente Odontológico 39,1% das operadoras foram classificadas nas faixas de 0,40 a 0,59 ou superiores do IDSS e essas operadoras respondem por 82,2% do total de beneficiários vinculados às operadoras avaliadas. Nesse segmento, as operadoras que obtiveram o desempenho na faixa de 0,60 a 0,79 respondem por 56,7% dos beneficiários.

O IDSS é importante na hora de contratar um plano de saúde. A partir dele, é possível conhecer o nível de qualidade das operadoras e orientar melhor a escolha. Para os consumidores de planos individuais novos (contratados a partir de 2 de janeiro de 1999) que pretendem exercer seu direito à mobilidade com portabilidade de carência, a consulta ao IDSS é fundamental para que essa mudança traga consigo acréscimo de qualidade. Além de avaliar e classificar desempenho, o Programa de Qualificação da Saúde Suplementar tem por objetivo abrir possibilidades para a melhoria dos serviços prestados pelas operadoras de planos de saúde.

A ANS mantém uma central de relacionamento disponível para consultas e denúncias via Disque ANS (0800 701 9656). Os endereços estão disponíveis no site da agência reguladora.

"


Categorizado em: UGT,


logo

UGT - União Geral dos Trabalhadores


Rua Aguiar de Barros, 144 - Bela Vista - São Paulo/SP - 01316-020 - Tel.: (11) 2111-7300
© 2013 Todos os direitos reservados.