UGT UGT

Filiado à:


Filiado Filiado 2
Home | Notícias
Home | Notícias

NOTÍCIAS

Brasil diz cumprir metas e cobra compensação comercial


21/11/2016

Durante o último dia da COP22, em Marrakesh no sábado, 19, a delegação brasileira com participação dos ministros da Agricultura e Meio Ambiente, apresentou as contribuições que o país tem dado para a redução da emissão de carbono. Segundo as autoridades brasileiras, falta o reconhecimento devido por parte da comunidade internacional. “É necessário criar algum tipo de compensação do ponto de vista comercial para esses países que como o Brasil, tem levado as reservas legais e a não emissão de carbono a sério”, afirmou o ministro da Agricultura Blairo Maggi. Segundo ele, é importante considerar que o comércio deve se dar prioritariamente com quem cumpre as metas de emissão, e de fato esta se responsabilizando por uma produção sustentável e de baixo carbono. 

 

O Ministro do Meio Ambiente Sarney Filho assegurou que apesar dos recursos limitados pelas medidas de austeridade, o governo se esforçará para que  a redução do desmatamento na área da Amazônia e a redução de emissões sejam exemplares. Para Sarney,  o reconhecimento pela comunidade internacional deve ser mais efetivo para incentivar outros países a caminharem para o cumprimento das INDC`s (Metas Internas/Contribuições).

 

No final da reunião em conversa com Renato Guerra, secretário adjunto do Meio Ambiente da UGT, o ministro Sarney Filho  falou sobre a composição dos quadros do fundo clima, do desafio em continuar os projetos de educação ambiental. 

 

Renato Guerra também comentou com o ministro acerca do comprometimento com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável ODS, e alertou sobre as metas de 2030 em virtude do momento político delicado que o país atravessa. 

 

 




logo

UGT - União Geral dos Trabalhadores


Rua Aguiar de Barros, 144 - Bela Vista - São Paulo/SP - 01316-020 - Tel.: (11) 2111-7300
© 2013 Todos os direitos reservados.